O uso de um umidificador pode reduzir suas chances de contrair COVID-19

ANÚNCIO

Os vírus respiratórios adoram o inverno. Esses patógenos prosperam no frio e viajam mais facilmente de um hospedeiro para outro no ar seco.

A umidade relativa (UR) é uma medida de quão saturado o ar está com vapor de água. Portanto, em uma sala com 40% de umidade relativa, o ar retém 40% da quantidade total de umidade que poderia reter no total.

ANÚNCIO

Quanto mais seco o ar, menor a umidade relativa e mais fácil é para os vírus – incluindo o coronavírus – se espalharem.

A umidade e a temperatura afetam como o coronavírus se espalha

O uso de um umidificador pode reduzir suas chances de contrair COVID-19

A pesquisa mostra que o coronavírus se espalha mais facilmente quando as temperaturas e a umidade são baixas.

ANÚNCIO

Uma análise feita em julho pelo cientista de pesquisas de aerossol Ajit Ahlawat e seus colegas descobriu que as chances de transmissão aérea do coronavírus em locais secos são maiores do que em áreas úmidas.

Leia também: O que fazer quando recebermos a vacina contra a COVID-19?

Isso porque as partículas do coronavírus em ar mais seco e menos úmido absorvem menos umidade e, portanto, permanecem no ar por mais tempo. Isso aumenta a probabilidade de serem inalados e infectar alguém novo.

O uso de um umidificador pode reduzir suas chances de contrair COVID-19
Foto: (Reprodução/ Internet).

Além disso, as partículas do coronavírus tornam-se mais estáveis ​​à medida que os níveis de temperatura e umidade diminuem, ajudando-os a permanecer estáveis ​​o suficiente para infectar um novo hospedeiro quando chegarem.

Veja também: Por que as vacinas foram feitas tão rapidamente?

Além do mais, como a gripe, o coronavírus está alojado em uma camada de gordura chamada envelope lipídico, que o ajuda a sobreviver à jornada de uma pessoa para outra. Esta bainha seca mais rapidamente em altas temperaturas .

40 a 60% de umidade relativa do ar beneficia nosso sistema imunológico também

O uso de um umidificador pode reduzir suas chances de contrair COVID-19
Foto: (Reprodução/ Internet).

O ar mais úmido também pode atuar contra a camada protetora, causando estragos na estrutura do envelope lipídico, inativando o vírus.

Fique por dentro: Como os cientistas sabem que as vacinas aprovadas para COVID-19 são seguras

Mas os especialistas alertam contra o excesso de umidade. É fundamental não exagerar na umidade, no entanto.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: ScienceAlert

ANÚNCIO