Veja como os sintomas do COVID-19 diferem de alergias, resfriado e gripe

ANÚNCIO

É COVID-19 ou apenas um resfriado?

É uma pergunta que muitos estão se perguntando, já que o outono e o inverno trazem mais casos de resfriado comum e gripe sazonal. 

ANÚNCIO

Os sintomas podem ser difíceis de distinguir, visto que todas as três condições podem resultar em tosse.

Veja como os sintomas do COVID-19 diferem de alergias, resfriado e gripe
Foto: (Reprodução/ Internet)

Mas cada um tem suas próprias características.

Um  estudo de agosto  da University of Southern California identificou  uma ordem distinta de sintomas  entre os pacientes do COVID-19: a maioria dos pacientes sintomáticos começa com febre, seguida por tosse. Para a gripe sazonal, geralmente ocorre o oposto – as pessoas geralmente apresentam tosse antes da febre.

ANÚNCIO

Leia também: ONU realizará cúpula do COVID-19 em dezembro

Se você pegar um resfriado comum, entretanto, é mais provável que comece com uma dor de garganta como o primeiro sintoma, de acordo com os Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

Como COVID-19, gripe, resfriado e alergias se manifestam e progridem

Veja como os sintomas do COVID-19 diferem de alergias, resfriado e gripe
Foto: (Reprodução/ Internet)

Os casos de coronavírus tendem a se desenvolver mais gradualmente do que a gripe. 

Leia também: Estudo de caso surpreendente descobre portadora COVID-19 assintomática que disseminou vírus por 70 dias

Embora algumas pessoas comecem a apresentar sintomas de COVID-19 dentro de dois dias após a infecção, os sintomas da doença podem levar até duas semanas para se manifestar. 

Em média, as pessoas começam a se sentir mal cinco dias depois de serem infectadas.

Veja como os sintomas do COVID-19 diferem de alergias, resfriado e gripe
Foto: (Reprodução/ Internet)

As pessoas com gripe, por outro lado, geralmente se sentem mal um a quatro dias após a exposição. A maioria dos pacientes se recupera totalmente em menos de duas semanas, geralmente em poucos dias.

Leia também: COVID-19: Estudo de presídios mostra que até mesmo pequenos encontros podem ser prejudiciais

Muitos pacientes com coronavírus também se recuperam em duas semanas, mas uma parte crescente dos pacientes relatou sintomas que duram meses.

Os sintomas do resfriado comum, por outro lado, geralmente atingem seu pico dentro de dois a três dias após a infecção – mas, como o coronavírus, costumam surgir de forma mais gradual.

Os sintomas mais comuns de cada doença

Veja como os sintomas do COVID-19 diferem de alergias, resfriado e gripe
Foto: (Reprodução/ Internet)

Os casos de coronavírus variam de assintomáticos a leves a graves.

Sintomas como febre ou dor de cabeça podem ajudar a descartar alergias ou também o resfriado comum. Pessoas com resfriados, por sua vez, têm maior probabilidade de desenvolver coriza ou entupimento nasal do que pacientes com COVID-19. E os sintomas do resfriado são mais leves em geral.

Fique por dentro:  O que torna o SARS-CoV-2 muito mais infeccioso do que seu antecessor? Descubra

Uma das marcas registradas das alergias – coceira nos olhos – não está associada a nenhuma das outras três doenças.

Veja como os sintomas do COVID-19 diferem de alergias, resfriado e gripe
Foto: (Reprodução/ Internet)

Em última análise, a melhor maneira de saber se você tem COVID-19 é fazer um teste de diagnóstico. Até que os resultados sejam negativos, as pessoas devem ficar em casa se estiverem se sentindo mal ou foram expostas a alguém com confirmação de infecção pelo vírus.

Saiba mais: Cientistas encontram tecido no olho humano que parece resistente ao SARS-CoV-2

Todos também deveriam tomar uma vacina contra a gripe para minimizar o risco de superlotação nos hospitais.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte:  ScienceAlert

ANÚNCIO