Estranho caso: Crianças desenvolverem anticorpos contra o Coronavírus sem nunca ter um teste positivo

ANÚNCIO

Desde os primeiros dias da pandemia do coronavírus, os cientistas observaram que as crianças pareciam ser menos suscetíveis a desenvolver COVID-19, embora as razões exatas permaneçam obscuras.

Agora, um caso incomum na Austrália pode fornecer uma visão única do mistério, graças à experiência de uma jovem família de Melbourne.

ANÚNCIO

Nesta família de cinco pessoas, os dois pais adoeceram com COVID-19 depois de comparecer a um casamento interestadual sem os filhos. No entanto, os sintomas não apareceram até dias depois de terem retornado da viagem.

Estranho caso: Crianças desenvolverem anticorpos contra o Coronavírus sem nunca ter um teste positivo
Foto: (Reprodução/ Internet).

No entanto, sem o conhecimento deles, eles trouxeram o SARS-CoV-2 para sua casa e expuseram seus filhos a ele.

As crianças nunca testaram positivo para o vírus, mas algum nível de exposição ao vírus havia desencadeado uma resposta imunológica dentro delas, e aparentemente capaz de combater a infecção.

ANÚNCIO

Leia também: Como minimizar os riscos de COVID-19?

Felizmente, todos os familiares que adoeceram se recuperaram e não precisaram de cuidados médicos.

Os mecanismos por trás da resposta imune das crianças ainda não são totalmente compreendidos, mas descobrir como e por que suas respostas imunes foram ativadas (na ausência de quaisquer casos confirmados do vírus) pode lançar muita luz sobre a suscetibilidade das crianças ao COVID-19 mais amplamente.

Estranho caso: Crianças desenvolverem anticorpos contra o Coronavírus sem nunca ter um teste positivo
A família com pesquisadores da MCRI. (MCI)

Com efeito, os pesquisadores acham que as crianças realmente foram infectadas pelo vírus, mas seus sistemas imunológicos foram de alguma forma capazes de montar uma resposta antivírus que foi altamente eficaz em restringir a replicação do vírus, ao contrário de seus pais.

Saiba mais: Quem será o primeiro a receber as vacinas COVID-19?

Essa resposta imune foi tão eficaz que poderia ter reduzido a carga viral a ponto de ficar abaixo da sensibilidade do teste de PCR, outro problema que precisa ser examinado mais a fundo, pensa a equipe.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: ScienceAlert

ANÚNCIO