Sun Yang: proibição de oito anos para campeão olímpico chinês revogada

ANÚNCIO

O tricampeão olímpico da China, Sun Yang, foi proibido por oito anos por cair em um teste de doping em setembro de 2018.

O atleta de 28 anos foi inicialmente inocentado pela Fina, a federação de natação, em janeiro de 2019.

ANÚNCIO

Após um apelo da Agência Mundial Antidopagem (Wada) ao Tribunal de Arbitragem do Esporte (Cas), a decisão foi revogada.

Uma proibição de oito anos foi imposta à Sun porque esse era seu segundo crime.

Ele havia cumprido uma suspensão de três meses em 2014 por tomar estimulante com Trimetazidina que é proibido.

ANÚNCIO

Sun disse à agência de notícias chinesa Xinhua que planeja apelar contra a decisão.

Ele disse: “Isso é injusto. Acredito firmemente na minha inocência”.

Cas disse que sua decisão pode ser contestada perante o Tribunal Federal Suíço dentro de 30 dias.

Sun havia dito em uma audiência de apelação em novembro que ele havia falhado teste porque os responsáveis não conseguiram provar sua identidade quando chegaram a sua casa.

Ele também negou que um frasco contendo suas amostras de sangue fosse esmagado com um martelo.

Cas também afirma que: “O atleta não conseguiu provar que tinha uma justificativa convincente para destruir seus contêineres de coleta de amostras e renunciar ao controle de doping quando, em sua opinião, o protocolo de coleta não estava em conformidade com o ISTI (padrão internacional para testes e investigações).

Fonte: BBC.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais.

ANÚNCIO