Turista morre ao cair do Grand Canyon

ANÚNCIO

Uma mulher caminhando no Parque Nacional do Grand Canyon, nos EUA, morreu após cair ao tentar tirar uma foto de família.

Detalhes do incidente

Maria A. Salgado Lopez de 59 anos, era de Scottsdale no Arizona e estava caminhando pela trilha e tirando fotos com sua família quando caiu acidentalmente da beira do desfiladeiro, de acordo com um comunicado à imprensa do National Park Service.

ANÚNCIO

Ela e sua família estavam caminhando em uma área a oeste de Mather Point, ao longo da margem sul do canyon, disseram autoridades.

Foto: (reprodução/internet)

Os guardas florestais do Parque Nacional do Grand Canyon encontraram seu corpo a cerca de 30 m abaixo da borda, de acordo com o serviço do parque.

“Uma investigação sobre o incidente está sendo conduzida pelo Serviço Nacional de Parques e pelo Serviço de Examinadores Médicos do Condado de Coconino”, disse o serviço do parque em comunicado.

ANÚNCIO

Medidas preventivas do parque

O parque, que recebeu quase seis milhões de visitantes no ano passado, está incentivando todos os visitantes a permanecerem em trilhas e passarelas designadas e a manter uma distância segura da borda da borda.

O centro de visitantes South Rim está localizado ao sul de Mather Point, que é um dos pontos mais populares do canyon e oferece vistas espetaculares, especialmente ao pôr do sol.

Foto: (reprodução/internet)

Histórico desfavorável

No ano passado, pelo menos duas pessoas morreram depois de cair na beira do Grand Canyon.

Um deles, um homem de quase 50 anos, aparentemente tirava uma selfie quando escorregou e caiu, disse à CNN um porta-voz da área de observação de Eagle Point no Grand Canyon West.

Foto: (reprodução/internet)

 

Traduzido e adaptado por equipe Saibama.is
Fonte: 9news.

ANÚNCIO