Trump veta voos chineses

O governo Trump se mobilizou na quarta-feira para impedir que as companhias aéreas chinesas voem para os EUA em uma escalada nas tensões comerciais e de viagens entre os dois países.

Foto: (reprodução/internet)

O Departamento de Transporte disse que suspenderia os vôos de passageiros de quatro companhias aéreas chinesas que partem e chegam aos Estados Unidos a partir de 16 de junho.

A decisão foi uma resposta ao fracasso da China em deixar a United Airlines e a Delta Air Lines retomarem vôos esta semana para a China, que foram suspensos no início deste ano em resposta à pandemia de coronavírus que começou na província chinesa de Wuhan.

O Departamento de Transporte disse que a China estava violando um acordo entre os dois países, cobrindo os voos de cada uma das companhias aéreas.

“O Departamento continuará a contratar nossos parceiros chineses para que as transportadoras americanas e chinesas possam exercer plenamente seus direitos bilaterais”, afirmou a agência em comunicado. “Enquanto isso, permitiremos que as transportadoras chinesas operem o mesmo número de vôos regulares de passageiros que o governo chinês permite aos nossos.”

ANÚNCIO

O departamento disse que o presidente Donald Trump poderia colocar a ordem em prática antes de 16 de junho.

Traduzido e adaptado por equipe Saibama.is
Fonte: Time.

ANÚNCIO