Se a saúde do seu coração está em risco, seu parceiro também deve ser examinado. Aqui está o porquê

ANÚNCIO

Quando seu parceiro pede um lado extra de batatas fritas ou clica no botão soneca do alarme para a academia, é fácil fazer.

Por outro lado, ter um parceiro que tem um estilo de vida saudável pode lhe dar o impulso extra de motivação de que você precisa para fazer uma mudança para melhorar sua saúde.

ANÚNCIO

Pessoas e seus parceiros, com idades entre 39 e 57 anos, tiveram sua saúde cardíaca avaliada como parte de um programa de bem-estar.

Se a saúde do seu coração está em risco, seu parceiro também deve ser examinado. Aqui está o porquê
(The Phope / Unsplash)

Foram avaliados ou medidos: tabagismo, atividade física diária, índice de massa corporal, dieta, níveis de açúcar no sangue, colesterol total e pressão arterial.

Veja também: Detox – Sinais de que seu corpo precisa dele

ANÚNCIO

Os dados foram coletados em questionários, exames físicos e testes de laboratório. 

A análise mostrou que a maioria dos casais no estudo eram saudáveis ​​para o coração juntos ou compartilhavam uma saúde cardíaca ruim.

Se a saúde do seu coração está em risco, seu parceiro também deve ser examinado. Aqui está o porquê
Foto: (Reprodução/ Internet)

Entre cerca de 2.190 casais que participaram do programa todos os anos durante cinco anos, se uma pessoa tivesse parado de fumar, perdido peso, intensificado seus exercícios ou melhorado sua dieta, seu parceiro provavelmente teria feito o mesmo no ano anterior.

Leia também: 5 maneiras de melhorar sua saúde e ser fitness

No entanto, o estudo falhou em capturar qualquer informação sobre há quanto tempo os casais estão juntos, seja cinco semanas ou cinco anos. 

Se a saúde do seu coração está em risco, seu parceiro também deve ser examinado. Aqui está o porquê
Foto: (Reprodução/ Internet)

Você pensaria que quanto mais tempo os casais passam juntos, mais oportunidades alguém pode ter de adotar o estilo de vida da outra pessoa – para melhor ou para pior. 

Leia também: Podemos estar pensando de maneira errada sobre as articulações, mostra estudo

Ainda assim, os autores do estudo disseram em seu artigo que as descobertas poderiam ajudar a criar programas de saúde pública promovendo estilos de vida saudáveis ​​para casais.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: ScienceAlert

ANÚNCIO