Quais são as opções de tratamento para COVID-19?

ANÚNCIO

Existem vários, e qual é o melhor depende de quão doente alguém está.

Por exemplo, esteróides como a dexametasona podem diminuir o risco de morte em pacientes gravemente enfermos. Mas eles podem fazer o oposto para aqueles que estão apenas levemente doentes.

ANÚNCIO

Nos Estados Unidos, nenhum tratamento é aprovado especificamente para COVID-19, mas alguns foram autorizados para uso de emergência e vários outros estão sendo considerados. Um painel de especialistas convocado pelo Instituto Nacional de Saúde dos EUA atualiza as diretrizes conforme novos estudos são publicados.

Quais são as opções de tratamento para COVID-19?
Foto: (reprodução/internet)

Aqui está o que é recomendado para vários pacientes:

– Não hospitalizado ou hospitalizado, mas não precisa de oxigênio extra: Nenhum medicamento específico recomendado e um aviso contra o uso de esteróides.

ANÚNCIO

– Hospitalizado e necessitando de oxigênio extra, mas não de uma máquina de respiração: o remdesivir antiviral, administrado por via intravenosa e, em alguns casos, também um esteróide.

– Hospitalizado e em máquina de respiração: Remdesivir e um esteróide.

Fique por dentro: Estudo da OMS concluiu que remdesivir não ajudou pacientes com COVID-19

E o plasma convalescente, uma infusão de sangue de um sobrevivente do COVID-19 que contém anticorpos que combatem o vírus? Não se sabe o suficiente para recomendar a favor ou contra, dizem as diretrizes.

Quais são as opções de tratamento para COVID-19?
Foto: (reprodução/internet)

No entanto, é conhecido o suficiente para desaconselhar a hidroxicloroquina e certos medicamentos que afetam o sistema imunológico – vários estudos os descobriram ineficazes contra o coronavírus.

Leia também: O que sabemos e não sabemos sobre os casos de reinfecção COVID-19

Além dos medicamentos, os médicos aprenderam mais sobre as formas de tratar pacientes hospitalizados, como colocá-los na barriga e outras medidas que podem evitar a necessidade de aparelhos respiratórios.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: APNews

 

 

ANÚNCIO