Novamente a França é palco de incêndio numa catedral

ANÚNCIO

As autoridades francesas abriram um inquérito após um incêndio na catedral gótica da cidade francesa de Nantes, quebrando vitrais e lançando fumaça negra entre as torres.

Moradores e turistas assistiram horrorizados e equipes de emergência isolaram a área ao redor da Catedral de São Pedro e São Paulo, no centro histórico da cidade, no rio Loire.

ANÚNCIO

Um funcionário da prefeitura disse que o incêndio começou no sábado de manhã dentro da catedral e que a causa ainda não está clara. O funcionário não está autorizado a ter seu nome exposto publicamente. Nenhuma lesão foi relatada.

Foto: (reprodução/internet)

A inevitável comparação com o caso de Paris

O serviço local de bombeiros disse que o telhado não foi afetado pelo fogo e estava “sob controle”.

Foto: (reprodução/internet)

Eles deixaram de lado as comparações com a catedral de Notre Dame, em Paris, cujo telhado e pináculo queimaram em abril de 2019.

ANÚNCIO
Foto: (reprodução/internet)

O incêndio de Nantes para muitos trará de volta memórias daquele incêndio devastador que ameaçou derrubar o monumento medieval.

Depois de Notre-Dame, a catedral de Saint-Pierre-et-Saint-Paul, no coração de Nantes, está em chamas. Apoio aos nossos bombeiros que assumem todos os riscos para salvar esta joia gótica da cidade, o presidente francês Emmanuel Macron escreveu no Twitter.

Foto: (reprodução/internet)
Foto: (reprodução/internet)

Não foi a primeira vez

O incêndio de sábado quebrou os principais vitrais entre as duas torres da catedral do século XV, que também sofreu um incêndio grave em 1972.

“É parte da nossa história, parte da nossa herança”, disse a prefeita de Nantes, Johanna Rolland.

“Todos nós temos essas imagens em mente, essa história em nossos corações, mas, neste estágio, a situação não parece comparável à de 1972.

O primeiro-ministro francês Jean Castex e o ministro do Interior Gerald Darmanin estarão entre os oficiais que irão a Nantes na tarde de sábado em reação ao incêndio.

Foto: (reprodução/internet)

 

Traduzido e adaptado por equipe Saibama.is
Fonte: 9news.

ANÚNCIO