Homem que danificou Picasso no valor de 10 milhões de dólares na Tate Modern, condenado a 18 meses

ANÚNCIO

Um homem que danificou uma pintura de Picasso no valor de 10 milhões de dólares enquanto ela estava em exibição na Tate Modern está preso há 18 meses.

Shakeel Massey danificou o quadro Busto de uma Mulher do artista de 1944 na galeria de Londres em 28 de dezembro do ano passado.

ANÚNCIO

A obra foi pintada durante a ocupação nazista da França durante a Segunda Guerra Mundial no estúdio de Picasso no centro de Paris, de acordo com a Tate.

O busto de uma mulher de Picasso (detalhe) estava em exibição na Tate Modern em Londres

Retrata a amante e colega artista e fotógrafa de Picasso, Dora Maar , em um estilo “semi-abstrato”, usando um vestido verde.
..
A pintura teria sido rasgada, embora a galeria não desse nenhum detalhe sobre seu estado. Ele foi removido da exibição e não voltou desde o incidente.
..

Um porta-voz da galeria disse na época: “A obra de arte está com nossa equipe de conservação para avaliação especializada”.

ANÚNCIO

A pintura foi emprestada a Tate Modern a longo prazo por uma coleção particular.

Massey, do Clarendon Court em Willesden, no noroeste de Londres, que admitiu uma acusação de danos criminais após o incidente, foi preso no Inner London Crown Court .

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte:  INDEPENDENT

ANÚNCIO