Desafiando os EUA, Xi Jinping elogia a China e a OMS por combater o coronavírus

ANÚNCIO

O líder chinês Xi Jinping elogiou na terça-feira o papel da China no combate à pandemia do coronavírus e expressou apoio à Organização Mundial da Saúde, em um repúdio às críticas dos EUA e em uma tentativa de reunir apoio interno para a liderança do Partido Comunista.

Fique por dentro: Notícias do Coronavirus: Cientistas afirmam ter encontrado o primeiro paciente reinfectado com Covid-19

Xi disse a uma assembléia televisionada no Grande Salão do Povo em Pequim que a batalha da China contra a COVID-19 demonstrou os pontos fortes de seu sistema socialista e da cultura tradicional chinesa em estimular a motivação, construir consenso e reunir recursos.

ANÚNCIO

Estamos dispostos a fazer o que for preciso para proteger a vida das pessoas!” Xi disse aos participantes, a maioria dos quais usava máscaras e exercia distanciamento social.

(AP Photo/Mark Schiefelbein)

O coronavírus foi detectado pela primeira vez na cidade central de Wuhan no final do ano passado, e os EUA e outros alegaram que o surto se espalhou fora de controle porque a China ocultou informações sobre ele.

Veja também: Mulher morre durante uma caminhada nas montanhas da Califórnia durante uma onda de calor extrema

A China diz que agiu com rapidez e responsabilidade, mas rejeitou os pedidos de uma investigação independente sobre como lidar com a emergência.

ANÚNCIO

Leia também: Coronavírus: a vacina da Rússia induz uma resposta imune e é segura, os primeiros resultados de testes sugerem

A China também tem sido um grande apoiador da OMS contra as acusações, principalmente dos EUA, de que a organização é muito “centrada na China” em sua orientação.

Washington está se retirando da agência de saúde da ONU, à qual ainda deve dívidas atrasadas.

(AP Photo/Mark Schiefelbein)

Xi disse que a China continuará a apoiar a OMS em um “papel de liderança na luta global contra a pandemia COVID-19“.

Fique por dentro: Autoridades de saúde preocupam que nação não esteja pronta para a vacina COVID-19

Durante a reunião, Xi também conferiu a Medalha da República, o maior prêmio civil da China, ao famoso especialista em doenças respiratórias Zhong Nanshan, homenageando seu trabalho na luta contra COVID-19 e SARS, uma doença causada por um vírus relacionado que ocorreu em 2002- 03.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: APNews

ANÚNCIO