Como o pesadelo de Philip Roth foi recriado

ANÚNCIO

Dezesseis anos antes da atual pandemia nos dominar, o escritor Philip Roth imaginou um tipo diferente de praga. Em “The Plot Against America”, o aviador e simpatizante nazista Charles Lindbergh vence a eleição presidencial contra Franklin Roosevelt, desencadeando uma avalanche de anti-semitismo que deixa as famílias encolhidas em suas casas.

O romance de 2004 é a inspiração para as novas minisséries de mesmo nome da HBO, que vão de segunda a 20 de abril. Roth, que morreu em 2018 aos 85 anos, estreou suas raízes ao escrever sobre a família Levin na década de 1940 em Newark, NJ. Ele até chamou o filho mais novo do casal, Philip.

ANÚNCIO

E assim, quando David Simon e Ed Burns adaptaram o livro de Roth, eles garantiram que o cenário em torno da família Levin da classe trabalhadora e americana-judia parecesse real.

“Decidimos que a precisão era importante”, diz o designer de produção Richard Hoover, que supervisionou os três primeiros dos seis episódios da série. “Não é como se estivéssemos criando um mundo transformado por uma invasão alienígena.”

Para recriar o mundo de Roth, há 80 anos, Hoover visitou a cidade natal do escritor, a seção Weequahic de Newark.

ANÚNCIO

O Newark de hoje está cheio de linhas elétricas dos anos 40 e tapume de alumínio, então a equipe de Hoover encontrou um bom substituto para a casa dos Levins, nas proximidades de East Orange. Eles vasculharam Nova Jersey em busca de “pedaços”, fachadas de lojas de tiro em Paterson e Jersey City e uma tenda de teatro em Elizabeth.

Um lugar que não mudou muito é a biblioteca pública de Newark, onde Bess Levin (Zoe Kazan) pesquisa uma possível mudança para o Canadá. “A arquitetura está toda lá, ecoando a história real”, diz Hoover. “Olhei para as portas e o hardware e sabia que eles estavam lá naquela época. Foi fantástico.”

Dina Goldman, designer de produção dos três episódios finais, supervisionou uma das cenas mais arrepiantes do programa: uma rua de vitrines destruídas e pichações anti-semitas.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais.

Fonte: NY Post.

 

ANÚNCIO