Cientistas pensam em uma nova tabela periódica, é surpreendentemente curioso.

ANÚNCIO

A tabela é muito importante, podem até pensar que a ordem dos elementos não seria algo relevante para se colocar em questão, todavia é sim.

Entretanto, em Moscou na Rússia, dois cientistas publicaram proposta para um pedido de mudança na tabela que conhecemos.

ANÚNCIO

E é bem curioso e viajante toda essa experiência e proposta. Primeiro consideramos como a tabela foi criada, feita.

Tabela periódica em croché é estrela no CCV de Lagos

No final do século 18, os químicos tinham conhecimento sobre a diferença entre um elemento e um composto: os elementos eram quimicamente indivisíveis – hidrogênio, oxigênio, já  os compostos em dois ou mais elementos em combinação, com propriedades bem diferentes dos elementos que o compõem. 

ANÚNCIO

Os químicos estavam cientes de que certos elementos tinham propriedades químicas vem semelhantes: lítio, sódio e potássio ou cloro, bromo e iodo.

A tabela nos dias atuais

arquivo 20181207 128193 vpgzxa
Tabela periódica de hoje. (Offnfopt / Wikipedia)

tabela periódica é uma das ferramentas mais valiosas para químicos e outros cientistas porque ordena os elementos químicos de uma maneira útil. Depois de entender como a tabela periódica moderna é organizada, você poderá fazer muito mais do que apenas consultar os fatos dos elementos, como seus números atômicos e símbolos.

Os elementos são listados em ordem numérica por número atômico. O número atômico é o número de prótons em um átomo desse elemento. Portanto, o elemento número 1 (hidrogênio) é o primeiro elemento.

Leia também: Nova física estranha na radiação de fundo do universo é detectada pelos cientistas

Cada átomo de hidrogênio possui 1 próton. Até que um novo elemento seja descoberto, o último elemento na mesa é o elemento número 118. Cada átomo do elemento 118 tem 118 prótons. Esta é a maior diferença entre a tabela periódica de hoje e a tabela periódica de Mendeleev. A tabela original organizou os elementos aumentando o peso atômico.

A Proposta Nova da Tabela periódica

A nova tentativa de ordenar os elementos e organizar a tabela de outra forma foi dada pelos cientistas Zahed Allahyari e Artem Oganov.

Sua abordagem se baseia na atribuição a cada elemento, o que é chamado de Número de Mendeleev (MN). Existem várias maneiras de derivar esses números, uma dela é a combinação de duas grandezas fundamentais que podem ser medidas diretamente.

Matemáticos sugerem nova organização para a tabela periódica - Revista  Galileu | Ciência
Foto: (Reprodução/ Internet).

Se alguém ordena os elementos por seu MN, há MNs semelhantes por parte dos vizinhos. Isso é útil na busca de novos materiais que provavelmente serão necessários para tecnologias futuras e existentes. 

Fique por dentro: 2 cientistas ganham prêmio Nobel de química por ferramenta de edição de genes

Depois de tantos anos da criação da tabela, ainda podemos ver que as mesmas não são apenas uma ferramenta educacional vital, elas permanecem úteis para os pesquisadores em sua busca por novos materiais essenciais, ela é uma ferramenta viva, da qual pode sofrer modificações.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: ScienceAlert

ANÚNCIO