Aplicativo Caixa TEM – Entenda como funciona

ANÚNCIO

Depois da pandemia do novo coronavírus, o Governo Brasileiro tentou ajudar a comunidade de alguma forma. Assim, foi criado o “Auxílio Emergencial” um programa totalmente voltado para comunidade desamparada pelo Covid-19. O Auxílio só foi liberado para desempregados, empregados informais e microempreendedores individuais.

Diante disso, a Caixa Federal Econômica deu sua carta de apoio e criou o aplicativo “Caixa Tem”. O aplicativo visa facilitar a vida dos solicitantes do Auxílio, para que não precisem se aglomerar em bancos e nem pegar filas. A instalação do aplicativo é obrigatória para os cidadãos que receberam o auxílio emergencial.

ANÚNCIO

O “Caixa Tem” pode ser instalado no Android e iPhone (IOS), basta entrar na lojas de aplicativos e procurá-lo. Lembre-se que o aplicativo só estará disponível para os solicitantes do Auxílio Emergencial.

Aplicativo Caixa TEM - Entenda como funciona
Fonte: Reprodução/Internet

Recebeu o Auxílio Emergencial e quer saber como funciona o aplicativo Caixa Tem? Neste artigo, vamos lhe auxiliar no uso do app Caixa Tem.

Auxílio Emergencial

O Auxílio Emergencial é um benefício criado para aqueles que ficaram desamparados por causa do Covid-16, como os Microempreendedores, trabalhadores informais, mães solteiras, autônomos e desempregados. O benefício oferecido pela Governo Brasileiro é no valor de R$600,00 e será pago por três meses para até duas pessoas da mesma família.

ANÚNCIO

Um valor de R$1.200 será creditado para as mães solteiras. O presidente Jair Messias Bolsonaro, informou em uma das suas lives que o Auxílio seria prorrogado por mais dois meses. Porém, segundo o presidente as demais parcelas não serão de R$600, e sim um valor abaixo disso.

A Caixa Econômica Federal encerrou todas as solicitações no dia 3 de Julho, portanto não é mais possível solicitar o benefício. Caso o cidadão tenha solicitado antes deste prazo, alguns requisitos serão analisados antes de aprovar.

  • Ser maior de idade ou ser mãe adolescente;
  • Não ter emprego formal;
  • Não receber benefício previdenciário ou assistencial;
  • Ter renda per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$522,50);
  • Ser desempregado ou empregado informal.

Funcionamento do Caixa Tem

Durante o cadastramento no aplicativo “Auxílio Emergencial”, o solicitante será questionado se já tem conta na Caixa Econômica ou não tem. Caso tenha, o depósito do auxílio emergencial será creditado na conta corrente da conta. Todavia, se o solicitante não tiver, uma opção chamada “Conta Digital” será oferecida pelo aplicativo.

Na conta digital, o cidadão receberá o benefício e poderá manuseá-lo. A criação da conta digital se dá por meio das informações que o banco já adquiriu no Auxílio Emergencial. O aplicativo da conta digital chama-se “Caixa Tem” onde diversos serviços estarão disponíveis para o solicitante.

Com a grande demanda de solicitações, a Caixa encontrou um meio do servidor do aplicativo não cair, uma fila virtual. O beneficiário ficará esperando nessa “fila” quando o servidor estiver com uma grande demanda de acessos. Caso o aplicativo estiver livre, nenhuma senha para entrar na fila será necessária.

Como instalar o app e fazer o cadastro

A instalação é algo simples, nada demais. O aplicativo está disponível para iPhone e Android, vá na loja de aplicativos e procure por “Caixa Tem”. Vale lembrar que só poderão utilizar o aplicativo aqueles que foram aprovados no Auxílio Emergencial.

Caso o solicitante for aprovado, para inscrever-se no aplicativo Caixa Tem, basta entrar no aplicativo instalado. De início, o cidadão terá que colocar o CPF, assim o banco poderá identificar a aprovação do Auxílio. Depois, o solicitante será redirecionado para um página onde deverá colocar uma senha para poder entrar no aplicativo. Lembre-se a senha deve ter 6 números, e não poderá ser sua data de nascimento.

Dentro do aplicativo, o solicitante pode usar alguns diversos disponíveis. Entre eles estão os serviços:

  • Realizar pagamentos (Até R$600);
  • Transferir dinheiro;
  • Saque sem cartão (É necessário ir em uma agência da caixa);
  • Pagar na maquininha;
  • Cartão de Débito Virtual;
  • Extrato.

Alguns serviços estão limitados, como o de saque sem cartão. A decisão foi tomada quando a terceira parcela foi anunciada. Segundo o Governo Brasileiro, a decisão foi tomada para não ter aglomerações nos bancos. Portanto, o saque está dividido pelo mês de nascimento de cada cidadão.

Central de Atendimento

Caso o cidadão tenha problemas na hora de se cadastrar no aplicativo, ligue na central de atendimento do aplicativo. O número de contato é o 0800 726 0207.

ANÚNCIO