África ultrapassa 2 milhões de casos de coronavírus

ANÚNCIO

A Africa ultrapassou 2 milhões de casos confirmados de coronavírus, já que o principal funcionário de saúde pública do continente avisa que “estamos inevitavelmente caminhando para uma segunda onda” de infecções.

Os Centros Africanos para Controle e Prevenção de Doenças afirmam que o continente de 54 nações com 1,3 bilhão de pessoas tem mais de 48.000 mortes confirmadas por coronavírus.

ANÚNCIO

As infecções e mortes representam menos de 4% do total global.

África ultrapassa 2 milhões de casos de coronavírus
Foto: (Reprodução/ Internet)

O diretor do CDC da África, John Nkengasong, recomenda vigilância para medidas de prevenção enquanto os países afrouxam as restrições à pandemia para aliviar as dificuldades econômicas e mais pessoas viajarem.

A OMS diz que quase 20 países na África tiveram um aumento de mais de 20% nos casos no mês passado. Desta vez, o aumento é impulsionado não pela África do Sul, mas pelos países do norte da África, conforme as temperaturas caem lá.

ANÚNCIO

Leia também: As múltiplas crises da Etiópia: Guerra, COVID-19, até gafanhotos

A África do Sul lidera com mais de 750.000 casos, seguida por Marrocos (300.000), Egito (110.000) e Etiópia (100.000).

Embora haja esperanças de vacinas candidatas COVID-19 promissoras, as autoridades de saúde africanas estão preocupadas com o armazenamento refrigerado da vacina e com os países mais ricos comprando suprimentos.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: APNews

ANÚNCIO