A falta de testes de vírus no Reino Unido prejudica os esforços para combater a 2ª onda no país

ANÚNCIO

Hospitais na Inglaterra afirmam que a escassez de testes COVID-19 no Reino Unido está colocando em risco a equipe médica e os preparativos para um aumento potencial de casos de coronavírus neste inverno.

Testes inadequados estão levando a um aumento nas ausências no Serviço Nacional de Saúde, já que os trabalhadores médicos são forçados a se isolar enquanto eles e seus familiares aguardam os resultados dos testes após possíveis exposições, de acordo com o NHS Providers.

ANÚNCIO

No último fim de semana, líderes de hospitais em três cidades diferentes levantaram preocupações sobre os testes.

A escassez ocorre em meio a um aumento nos casos de COVID-19 em todo o Reino Unido

Pessoas conversam com a equipe na entrada de uma instalação de teste de coronavírus em Sutton Coldfield, Inglaterra, terça-feira, 13 de setembro de 2020. Novas medidas estão em vigor proibindo pessoas de diferentes casas de se reunirem em algumas cidades inglesas, em resposta a um coronavírus local em alta taxa de infecção, embora haja críticas generalizadas sobre a disponibilidade de instalações de teste. (Jacob King / PA via AP)

Isso elevou as novas infecções diárias a níveis nunca vistos desde o final de maio e forçou o governo conservador a impor novos limites às reuniões públicas.

Leia também: Quais são os diferentes tipos de testes de coronavírus?

Testes generalizados são vistos como cruciais para controlar a disseminação do coronavírus porque permitem que aqueles que estão infectados se isolem enquanto ajudam as autoridades de saúde a identificar pontos quentes e rastrear aqueles que estão infectados.

ANÚNCIO

O governo diz que pode processar cerca de 243.000 testes de coronavírus por dia, contra 220.000 no final de agosto.

(Jacob King / PA via AP)

O problema é que a “segunda onda ″ do vírus está atingindo a Grã-Bretanha antes do previsto, disse John Bell, professor de medicina da Universidade de Oxford

As autoridades subestimaram a velocidade com que mais capacidade de teste é necessária, disse Bell, alertando que o problema pode piorar.

Fique por dentro: Polônia busca mais vacinas contra gripe em meio à escassez durante a pandemia

Na semana passada, muitas pessoas reclamaram que estavam sendo enviadas para centros de testes longe de suas casas, às vezes a centenas de quilômetros de distância.

Traduzido e adaptado por equipe Saibamais

Fonte: APNews

 

ANÚNCIO